Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Estro

Estro do meu ego guarda o que sou: poemas. contos, pensamentos, artes plásticas, fotografias, produtos do meu sentir.

Estro do meu ego guarda o que sou: poemas. contos, pensamentos, artes plásticas, fotografias, produtos do meu sentir.

Livro de Poesia - Os Anexins de um Vate Sólito: O Parto - V

O Parto.jpg

(David 07 - Dezembro de 2020 - Praga - R. Checa)

      V

 

“O PARTO”

 

Sangue do nosso sangue que, ao nascer,

Semente do teu ventre, se fez fruto

Carinho dos carinhos o produto

Dos meses em que em ti eu vi crescer

 

Um novo mundo, louco por saber

Como seria fora do reduto,

Longe do maternal, morno aqueduto,

O mundo onde teria de viver…

 

E a flor de dois amores, em comunhão,

Lá aguardou a hora da saída,

Nos últimos momentos… confusão

 

E dores, contrações, choro de vida…

Choro que veio desse rosto lindo,

De teu choro, David, um parto findo!

 

Gil Saraiva

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Meus Blogs: Crónicas. Poesia, Humor, Beijos

Músicas que adoro

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub