Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Estro

Estro do meu ego guarda a minha poesia, sem preocupações de forma ou conteúdo, apenas narrativas do que me constitui...

Estro do meu ego guarda a minha poesia, sem preocupações de forma ou conteúdo, apenas narrativas do que me constitui...

Livro de Poesia - Sintra-me: VIII - Pedra de Luz

Pedra de Luz.jpg

       VIII

 

"PEDRA DE LUZ"

 

Pedra de luz... brilhar fatal... o teu...

A Cruz Alta és, no ponto mais cimeiro,

Bem no topo da Serra, em nevoeiro,

Renascerás de um brilho que cresceu

 

Aqui... ali... nas almas que escolheu!...

Réstia de luz, que a Estátua do Guerreiro

Vigia, como um guarda prazenteiro...

Brilho que me encantou, que não esqueceu!...

 

Pedra de luz, que o meu olhar captou

No mágico triângulo da Serra:

Guerreiro, Pena, Cruz, que nesta terra

 

A alma dos amantes capturou

Nestes penedos do Al Andaluz!

Sendo eu a pedra, amor... tu és a luz...

 

Gil Saraiva

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub